Twitter Clone Fora Do Ar em Protesto Contra o Uso de Pedofilia – #DeepWeb

O site Twitter Clone, um Hidden Service Web Server com domínio .onion, acessível somente via Tor Network, que representa uma versão LIVRE E ANÔNIMA do Tradicional Twitter, está na data 23/04/2014, Fora Do Ar em Protesto Contra o Uso de Pedofilia.

URL do Twitter Clone: http://npdaaf3s3f2xrmlo.onion/
Acessível somente com o Tor Browser: https://www.torproject.org

Veja Imagem:

Imagem

Nas cláusulas de termo de uso do hidden service, está explícito que não podem haver fotos de nudez em seu conteúdo.

 

Problema para liberar um Relay na Tor Network – Setando e Configurando Porta Alta em um Firewall do Windows 8.1

Problema para liberar um Relay na Tor Network – Setando e Configurando Porta Alta em um Firewall do Windows 8.1
Imagem

Recentemente o governo Turco bloqueou por alguns dias o acesso a rede social Twitter porque estava sendo usada massivamente pela população que se manifestava contra a corrupção.

Hoje no Brasil, estamos usando, E MUITO, as redes sociais para divulgar informações denunciando a corrupção e tentando derrubar políticos que não representam o povo como Renan Calheiros. Após a aprovação do Marco Civil Brasileiro (a versão Brasileira do SOPA) na câmara dos Deputados, ele anunciou que iria acelerar a aprovação da lei para que então seja liberada para a Sansão Presidencial da Presidenta Dilma Rousseff. Engraçado lembrar que há um ano atrás fizemos uma petição para a saída do Renan Calheiros e ele não saiu… Imagine se o Presidente do Congresso quiser restringir o acesso do povo para denúncias sobre ele nas redes sociais se ele não faria… (Ou fará…) Assim como fizeram na Turquia!

Quando bloquearam o Twitter na Turquia, a primeira solução foi avisar a população que o bloqueio era feito só no DNS do país, mas se usassem um DNS internacional como o do Google poderiam continuar acessando. Após isso, o governo Turco começou a restringir as rotas via ACL de acessos de dentro da Turquia para os DNSs do Google…

Imagem

A solução para acessar o Twitter, mesmo sendo censurado no país, era através da Tor Network…

Imagem

Inevitavelmente nota-se a importância em nome da Liberdade que a Tor Network representa.

A Tor é formada por Bridges (Pontes), Non-Exit Relays (Transmissores internos) e Exit Relays (Transmissores de contato com a Internet, que não é você e, devido a arquitetura da Tor Network, se o seu computador não foi compromissado e utilizou criptografia para acessar algo na Internet, como por exemplo um site HTTPS, é indetectável).

As bridges e relays são fornecidas por universidades, centros de pesquisa (até governamentais – diz a lenda que a Tor veio do depto de pesquisa tecnológica da Marinha Americana), voluntários, hackers, curiosos, ativistas etc, através de computadores configurados com aplicações que integram seu PC e Conexão de Internet em parte da “Deep Web” como por exemplo a Vidalia.

Escrevi, recentemente um artigo sobre como ajudar a Tor network a crescer fazendo de seu computador um relay. Clique no link aqui para acessar o artigo passo a passo: http://ideiasjohndoe.wordpress.com/2014/03/18/como-ajudar-a-tor-network-deep-web-privacidade-a-crescer-vidalia/

Mas tem um probleminha…
Muitas vezes o computador tem bloqueios de seu próprio provedor de internet impedindo que seu IP receba requisições pela porta TCP 443. Mesmo que você liberasse essa porta no seu firewall, o bloqueio de portas baixas é feito no Core ou nos Switches de Distribuição Layer 3 de seu ISP.

Mas por limitações técnicas o seu provedor não pode bloquear todas as 65535 portas TCP. Geralmente o bloqueio deles ocorre em serviços específicos nas primeiras 1024 portas… E muitas vezes até por medida de segurança pois muitos sistemas rodam serviços vulneráveis que usam por natureza essas portas… Como um web server usa a porta 80 ou 443.

Enfim, se você tentou configurar o Vidalia em seu computador e seu servidor não apareceu no Atlas da Rede Tor (é porque não está funcionando) ou então você notou o seguinte log de erro:

YOUR SERVER xyz HAS NOT MANAGED TO CONFIRM THAT ITS ORPORT IS REACHABLE. PLEASE CHECK YOUR FIREWALLS, PORTS, ADDRESS, /ETC/HOSTS FILE, ETC.

Para ver esse log, no Painel de “Controlo” do Vidalia:
Imagem

Clique em: “Registro de Mensagens” e então escolha a guia “Avançado”.

Imagem

Muito bem… A causa de seu relay não funcionar efetivamente é por causa do bloqueio de seu ISP na porta default da ORPORT.

Imagem

Para resolver esse problema faremos o seguinte…

Primeiro configuraremos em nosso Vidalia uma porta alta que não tenha bloqueio em nossa rede usando uma porta alta. Sugerimos a 9001. Para isso: no Painel de “Controlo” do Vidalia, clique no botão “Configurações”.

Imagem

No campo “Porta da retransmissão” configure uma porta alta, por exemplo 9001 e clique no botão “OK”.

Pronto, agora seu Vidalia está pronto para ser utilizado como relay. Mas agora o nosso “inimigo” pode não ser mais o seu ISP… Pode ser o firewall de seu sistema operacional ou rede corporativa da empresa, que por padrão de boa prática, libera todas as conexão no sentido de saída (ou seja, você requisita e recebe) e bloqueia todas as conexões de entradas (solicitações que vêm para seu IP de origem externa a sua rede local).

Mas antes de ver como liberar a porta 9001 para receber solicitações de pessoas pelo mundo, no caso, com o Vidalia, a porta 9001 será o acesso de alguém desconhecido para o seu computador que está agora configurado como um membro ativo da Tor Network. Vamos aproveitar que estamos mais familiarizados com a tela de configuração do Vidalia vamos configurar duas coisas bem interessantes que irão ser úteis mais para a frente…

Na tela de configurações do Vidalia:

Imagem

Clique em “Partilha” e aí então clique na guia “Configurações Básicas”…

Imagem

No campo “Alcunha” configure um nome para seu relay.

No campo “Informações de Contacto” coloque um endereço de E-mail que alguém da equipe de desenvolvimento do Tor ou algum outro interessado entre em contato com você. Nesse caso, é importante criar um E-mail anônimo e seguro. Através do Tor Browser, acesse o link: https://safe-mail.net e crie um E-mail anônimo para seu relay.

Isso será útil para que você possa certificar-se que seu relay está funcionando e já se encontra listado na rede Tor como um relay a serviço da liberdade. Para verificar a listagem, use o serviço de Atlas da Tor Network: https://atlas.torproject.org/.

Agora vamos nos concentrar em como liberar o firewall de um sistema operacional Windows 8.1 para que possamos ser um relay da Rede Tor disponível e útil.

Primeiro,

Arraste o mouse para o canto superior direito da tela e arraste para baixo. Aí então clique em “Pesquisar”. Escreva “firewall” e clique na opção “Firewall do Windows” que irá aparecer.

Imagem

Clique em “Configurações Avançadas”.

Agora, na opção “Regras de Entrada”, localizada na árvores de opções indexadas por Firewall do Windows com Segurança Avançada em Computador Local:

Imagem

Clique em “Nova Regra…”. veja no quadrado marcado da imagem acima…

Imagem

Selecione a opção “Porta” e clique em “Avançar”.

Imagem

Em “Portas locais específicas” coloque a porta que usou para ser ORPORT no Vidalia… No caso de nosso exemplo, na porta 9001.

Imagem

Deixe selecionada a opção “Permitir conexão” e clique em “Avançar”.

Imagem

Deixe como está com todos os domínios selecionados e clique em “Avançar”.

Imagem

Escreva um nome qualquer como nome da regra e clique em “Concluir”.

PRONTO! O erro já foi contornado e seu PC está livre para a Tor.

Lá no painel de controle do Vidalia tem uma opção interessante: “Gráfico de largura de banda” que mostra o quanto de dados já passou de uma origem desconhecida para um destino sem que seu IP de origem de identificação na camada 3 da grande rede Internet…

Após algumas horas, seu Relay poderá ser procurado por nome, ip, etc pelo Atlas da Tor Network conforme imagem abaixo:

Imagem

Se você conseguiu configurar o Vidalia e ser listado como o cara do exemplo acima… PARABÉNS! Você está ajudando a muitos em Prol da Liberdade e Privacidade.

A verdade sobre a Salvia divinorum

A VERDADE SOBRE A  SALVIA DIVINORUM

Regulamentação da Salvia divinorum

 

É com grande consideração que recomendamos a regulamentação da Salvia divinorum, ao invés de sua criminalização.

Isto não seria apenas sensato e eficaz, mas geraria uma fonte de impostos e permitiria que os orgãos judiciais pudessem se concentrar no combate as drogas que tem provado ser realmente prejudiciais (Metanfetamina, Crack, Heroína, Cocaína etc). Pesquisas “on line” de opinião pública também demonstraram que mais de 75% dos cidadãos americanos se opõem a criminalização da Salvia divinorum, corroborando com sua não proibição.

Nós criamos um breve sumário para disseminar informações extremamente precisas a respeito da planta, ao contrário das informações divulgadas pela mídia. Nós também detalhamos as propriedades medicinais, efeitos da criminalização e a solução da regulamentação e taxação da  Salvia divinorum.

A Salvia divinorum está disponível no Mundo por mais de quarenta  anos, desde sua descoberta em 1962, e tem sido utilizada por milhões de norte-americanos. Isto é, por si só,  um testemunho da surpreendente segurança desta planta medicinal. Muitos estudos científicos também demonstraram a Salvia como uma erva notavelmente segura, com usos medicinais incríveis e um potencial muito baixo para abuso ou dependência.

 

De acordo com o levantamento dos Orgãos judiciais, Hospitais, Colégios, Universidades e Clinicas de Reabilitação em todos os Estados Unidos, até hoje, nunca houve NENHUM incidente diretamente relacionado a planta Salvia divinorum.

 

Nenhum incidente relacionado a planta Salvia divinorum, como crimes, vícios, overdoses, acidentes, ferimentos ou morte foi documentado pela literatura médica.

 

 

A Salvia divinorum provou CIENTIFICAMENTE:

 - Ser completamente ANTI-VÍCIOS.

- Ser completamente NÃO-TÓXICA.

- Ser de curta atividade, sem efeitos negativos a longo prazo.

- Ser não-eufórica, com efeitos de doses mais altas similares a uma soneca com sonhos.

-Ser uma ferramenta efetiva para a psicoterapia, devido a sua habilidade para aumentar a consciência.

- Ser inacreditavelmente mais segura do que o álcool, tabaco ou mesmo a maconha.

- Ser uma eficaz erva medicinal natural.

  Estudos demonstraram que a Salvia divinorum pode tratar eficazmente:

Depressão severa (alívio persistente a longo prazo)

Doença de stress pós-traumático (DSPT)

Vícios de drogas (Crack, Cocaína, Heroína, Álcool, entre outras)

Transtorno obsessivo – compulsivo (TOC)

Ansiedade

Esquizofrenia

Dores crônicas

Artrite

Insuficiência Cardíaca Congestiva

Distúrbios estomacais

Distúrbios do sono

Transtorno Bipolar

ADD/ADHD

Mal de Alzheimer

HIV/AIDS

Câncer

 

A criminalização da Salvia divinorum irá:

 

- Custar aos estados MILHÕES e MILHÕES por ano em execução, processamento e aprisionamento.

- Encorajar um grande mercado negro.

- Contribuir para o problema já crescente de superlotação de prisões.

- Fragmentar e destruir famílias saudáveis através de processos e aprisionamento.

- Punir jovens por cometer ‘erros’ que manchem seus registros.

- Levar estudantes acadêmicos, e pessoas interessadas em meditação e ampliação da consciência à prisão.

- Evitar que pacientes doentes obtenham transplante de órgãos, rotulando-os como abusadores de ‘drogas’.

- Colocar nossa confiança e o bem-estar de nossos jovens nas mãos de traficantes de drogas.

- Infringir as liberdades religiosas e direitos daqueles que consideram a  Salvia divinorum um sacramento religioso.

- Violar o Ato de Restauração da Liberdade Religiosa estabelecido pela CONSTITUIÇÃO FEDERAL.

- Incriminar centenas de jardineiros, forçando-os a arrancarem suas plantas.

- Incriminar terapeutas que estão utilizando a Salvia divinorum psicoterapeuticamente com sucesso em suas práticas.

- Punir usuários medicinais NÃO-VIOLENTOS de Salvia divinorum.

- Promover uso irregular e mesmo inseguro.

 A regulamentação da Salvia divinorum  iría:

 - Proteger nossos jovens, pelo uso das mesmas orientações correntemente utilizadas para a venda de tabaco e álcool.

- Promover rotulagem correta do produto, o que protegeria as pessoas mais efetivamente do que jaulas ou prisões.

- Promover uso responsável por adultos, pela criminalização da venda a menores, protegendo efetivamente nossos jovens.

- Prevenir uso adulto irresponsável.

- Usar como modelo o estado de Maine (EUA), que regulamentou com sucesso o uso da  Salvia divinorum.

- Implementar as recomendações de estudos que provaram que a regulamentação é muito mais efetiva do que a criminalização.

- Permitir que os jardineiros continuem utilizando a  Salvia divinorum como borda decorativa de jardins.

- Utilizar as transações já estabelecidas para afastar os jovens da  Salvia divinorum, através de avisos.

- Liberar nossos Órgãos Judiciários para censurar drogas comprovadamente perigosas (Metanfetamina, Crack, Cocaína,  heroína).

- Permitir que os psicoterapeutas continuem tratando seus pacientes com  a Salvia divinorum, sob sua supervisão.

- Acomodar o Ato de Restauração da Liberdade Religiosa (Constituição Federal), para permitir o uso religioso da Salvia divinorum.

- Comunicar efetivamente, evitando que os jovens tenham fácil acesso a Salvia divinorum.

- Gerar, de uma maneira saudável, uma quantia de taxas e impostos.

 

A listagem de substâncias proibidas é projetada para substâncias que possuem um alto potencial para abuso, uma falta de segurança aceitável e nenhum uso médico correntemente aceito. Cientificamente falando, a Salvia divinorum  não atende a nenhum destes critérios e é uma excelente candidata a regulamentação, ao invés de criminalização.

Em resumo, nós recomendamos, como cidadãos brasileiros, trabalhando para o bem público, e também como eleitores ativos no que diz respeito a erosão da liberdade pessoal no  Brasil, que a Salvia divinorum  não seja criminalizada. Concordamos plenamente, com o estado de Maine (EUA): “A venda ou fornecimento da Salvia divinorum  ou salvinorin-A  a pessoas menores de 18 anos, sería um delito criminal. A posse por um menor sería uma violação civil, punível com uma multa, serviço comunitário, ou ambos”.

 

Nós não estamos contra a aprovação de  leis que regulamentem esta planta. Apenas desejamos transmitir um conjunto completo de fatos, com os quais estabelecer as melhores leis.

 

PROPRIEDADES MÉDICAS E MEDICINAIS

O nome do gênero Salvia  é derivado do latim salvare, significando “curar” ou “salvar”. As palavras salvação e salvador também derivam desta mesma raiz. A Salvia divinorum é endêmica da Serra Mazateca  no centro do México, onde ela possui uma longa história de uso medicinal. Ela é tanto usada por suas propriedades psicoativas, quanto para tratamento efetivo de artrites, dores de cabeça, e outras enfermidades.  A validade de cada uma destas aplicações diferentes, é bem fundamentada por recentes achados farmacológicos.

 

Para resumir foi comprovado cientificamente que a Salvinorin A é um único e altamente seletivo competidor do receptor Kappa-opioide e, como tal, possui um tremendo potencial para o desenvolvimento de uma ampla variedade de valiosos medicamentos. O mais promissor deles, inclui analgésicos seguros e não-viciáveis, anti-depressivos, anestésicos de curta duração que não deprimam a respiração, e drogas para ao tratamento de distúrbios caracterizados por alteração da percepção, incluindo esquizofrenia, mal de Alzheimer, depressão crônica e transtorno bipolar (Roth et al., 2002).

Os antagonistas do receptor Kappa-opioide são de interesse particular para farmacologistas, porque eles fornecem medicações efetivas contra a dor, que não causam hábito e não produzem dependência. De fato, há uma crescente evidencia que indica que antagonistas do receptor Kappa-opioid são realmente “aversos” – o oposto de viciáveis.   Há inúmeros relatórios, nos quais as pessoas atestam a eficiência desta erva no controle da dor. A habilidade do salvinorin  A  para bloquear a percepção da dor, também sugere que ela prova ser muito útil como anestésico geral. O fato de que ela não deprime a respiração, indica que a salvinorin A  poderia ser mais segura do que a maioria dos anestésicos gerais correntemente em uso. A utilização tradicional do povo Mazateca, da Salvia divinorum para tratar dores de cabeça e artrites, também atesta sua eficácia como um analgésico.

 

O Dr. Karl  Hanes publicou um relatório de um caso no Jornal de Psicofarmacologia Clinica, no qual ele descreve um paciente que obteve alivio da depressão crônica pelo uso da Salvia divinorum (Hanes, 2001). Muitos relatos podem ser encontrados online (www.salviatruth.com) de pessoas que se recuperaram de séria depressão com risco de vida, com o auxilio desta erva. É especialmente interessante, que estas pessoas foram capazes de obter alivio persistente de sua depressão, após poucos tratamentos. Diferentemente do regime contínuo de medicação requerido pelos antidepressivos convencionais, tais como o Prozac – que na maioria dos casos oferecem apenas alivio sintomático da depressão – a Salvia divinorum  freqüentemente produz melhora clinica de longa duração.

Devido a que a salvinorin A altera várias modalidades de percepção pela ação nos receptores Kappa-opioid, está claro que esses receptores possuem um papel proeminente na modulação da percepção humana. Isto sugere a possibilidade de que novos compostos psicoterapeuticos derivados da salvinorin A, seriam úteis para o tratamento de doenças manifestadas por distorções da percepção (ex.: esquizofrenia, demência e transtornos bipolares). Esta é uma promissora área de pesquisa, cujo prosseguimento é importante.

 

A Salvia divinorum possui diversas propriedades que a tornam útil em psicoterapia: ela produz um estado profundo de auto-reflexão, melhora a habilidade para recuperar recordações da infância, e fornece acesso a áreas da psique que são ordinariamente difíceis de serem atingidas. Existem muitos psicoterapeutas que utilizaram esta erva em suas práticas e ficaram impressionados com sua efetividade como uma ferramenta psicoterapeutica. Ela tem sido usada mesmo para tratar, com sucesso, Distúrbios de Stress Pós-Traumático (PTSD). Isto não é novidade – os Mazatecs tem usado há tempos a Salvia divinorum  para tratar enfermidades psicológicas.

Existem muitas concepções errôneas sobre a Salvia divinorum. Muitas delas possuem sua origem em alguns poucos artigos sensacionalistas que apareceram na imprensa popular, e outras derivam de assertivas publicitárias absurdas de vendedores de ervas não éticos, que deliberadamente exageram os efeitos da Salvia divinorum, num esforço para aumentar as vendas.

 

O fato é que os efeitos da Salvia divinorum não estão apelando para usuários recreativos de drogas. A maioria das pessoas que tentam isso, não apreciam seus efeitos e não continuam a utilizá-la. As pessoas que a usam medicinalmente, não a tomam com freqüência. Ela não causa euforia, nem é estimulante. Não é uma droga social. Uma vez que ela aumenta a auto-consciencia, ela não é útil como uma droga escapista. Ela é mais útil como uma erva medicinal natural.

 

A Salvia divinorum não vicia nem forma hábito. Seu mecanismo de ação indica que ela é realmente anti-vício. Muitas pessoas relataram que a Salvia divinorum ajudou-as a superar problemas de abuso de substâncias. Isto inclui, mas não se limita a vícios de álcool, cafeína, crack, cocaína, heroína, maconha, metanfetamina, nicotina e ecstasy.

PROTEÇÃO CULTURAL E RELIGIOSA

A Salvia é primariamente usada como um sacramento religioso para cerimônias espirituais pelo povo Mazatecas do México e como remédio. As mulheres hispânicas rotineiramente utilizam as folhas em um chá para auxílio na eliminação de cólicas menstruais, muitas também mascam as folhas para alívio da dor ou para ação como um analgésico. Sabe-se também que as mães hispânicas fazem um elixir suave e altamente efetivo para suas crianças, para auxílio nas cólicas e infecções menores. Hispânicos e pessoas de descendência mexicana, tem usado a Salvia durante gerações e esta planta tem sido, e ainda é, uma parte maior da cultura mexicana.

Há também organizações religiosas dentro do Brasil, que utilizam a Salvia divinorum como um sacramento religioso. Eles acreditam que ela é uma planta que foi colocada aqui por Deus, não apenas para iluminar espiritualmente as pessoas, mas para curar nossas mentes, corpos e almas. Ela é a base fundamental das crenças mexicanas e é crucialmente essencial para a busca da religião e auto-conhecimento. Os membros adultos utilizam a Salvia divinorum medicinalmente e também ritualmente como um sacramento espiritual divino, que é atingido com reverencia sincera e como proteção. O ato do cultivo é também uma parte maior deste ritual para a maioria dos seguidores. Muitas destas práticas e crenças possuem várias centenas de anos e são derivadas de práticas espirituais Mazatecas. Uma pequena igreja no Novo México (UDV) recentemente ganhou um caso na Suprema Corte que impedia o uso de certas outras plantas como sacramentos religiosos ( Caso nº 04-1084). Isto dá proteção garantida, sob o Ato de Liberdade Religiosa, promovido pela Constituição Federal, que impede interferência e restrição de práticas religiosas.

 

SEGURANÇA GERAL

 

A Salvia divinorum é completamente não-tóxica. Estudos toxicológicos foram efetuados pelo Dr Leander Valdés na Universidade de Michigan, Jeremy Stewart na Universidade de Mississipi, Dr Frank Jaksch da Chromadex Inc., e Wayne Briner da Universidade do Kansas. Nem a Salvia divinorum, nem a salvinorin A, mostraram toxicidade em nenhum destes estudos. Existe um vasto corpo de evidencias empíricas que indicam que a Salvia divinorum é uma erva notavelmente segura. De fato, os Mazatecas, que tem usado a Salvia divinorum por centenas de anos, não atribuem nenhuma propriedade tóxica a esta planta.

 

Mesmo após mais de quarenta anos de exames minuciosos, a planta ainda é considerada inofensiva. Ela não tem efeitos prolongados como uma ressaca, e ninguém, incluindo o DEA, tem histórico de que alguma pessoa tenha tido overdose ou experimentado conseqüências a longo prazo. Comunicações com Agências de Saúde, Hospitais, Clínicas de Reabilitação, Colégios e Universidades em todos os Estados Unidos, não revelaram que a Salvia divinorum seja um problema ou uma contribuinte direta a quaisquer vícios, dependências, acidentes, crimes, ferimentos ou mortes. Em resumo, a Salvia divinorum não é e nunca será um perigo para ninguém.

 

CONCLUSÕES

 A Salvia divinorum é uma erva medicinal relativamente pouco conhecida, com nenhum potencial para abuso significante. Ela não representa um risco para a saúde ou segurança pública. Criminalizá-la, serviria apenas para criar um problema que não existia previamente. A regulamentação de ervas medicinais, é um assunto de competência da ANVISA (dos orgãos judiciais e não do Estatuto de Substâncias Controladas). Não há justificativa razoável para fazer da Salvia divinorum uma substância controlada. Sua criminalização privaria as pessoas de uma erva medicinal natural, útil e segura, atrapalharia pesquisas médicas promissoras e privaria as pessoas de sua liberdade religiosa.

 

O estado não tem o direito de prender usuários não-violentos de Salvia. O modo mais sensível de encarar, seria regulamentar a Salvia divinorum de forma similar ao álcool ou tabaco para indivíduos com 18 anos ou mais, fazendo com que a venda ou fornecimento a menores de 18 anos seja um delito criminal, e a posse por um menor, uma violação civil. Isto geraria taxas durante o período em que os fundos estão escassos e também economizaria dinheiro de custos de defesa legal e execução. Cidadãos presos são caros e privam os estados de impostos. Isto é especialmente verdadeiro com os custos para abrigar prisioneiros.

 

Muitas denúncias bem intencionadas estão baseadas em informações imprecisas sobre a Salvia divinorum. A listagem é dirigida para substâncias que possuem um alto potencial para abuso, uma falta de segurança aceitável e uso médico não aceito atualmente. A Salvia divinorum não se encaixa em nenhum destes critérios.

 

Agradecemos a todos os que conhecem o poder desta maravilhosa planta e também a todos os que se mostram solidários e tem afinidade com esta planta sagrada! Nenhum estado ou sistema político pode privar o ser humano de sua natureza espiritual.

 Fonte: http://www.naturezadivina.com.br/loja/extra_info_pages.php?pages_id=11

URGENTE: Twitter Bloqueado na Turquia – #TurkeyBlockedTwitter – Solução: #TorNetwork

ATENÇÃO A TODOS!

O regime ditatorial, fascista da Turquia censurou o Twitter no país!

Veja a notícia:

- No Terra: http://tecnologia.terra.com.br/internet/turquia-bloqueia-twitter-apos-promessa-do-primeiro-ministro,de04dca172cd4410VgnCLD2000000dc6eb0aRCRD.html

- BBC: http://www.bbc.com/news/world-europe-26677134

- DailyDot: http://www.dailydot.com/politics/twitter-banned-turkey/

ImagemParece que o bloqueio aparentemente está feito por DNS e usando simplesmente um DNS público que não é bloqueado, como o DNS do Google por exemplo, é uma forma de burlar o bloqueio.Imagem

Em todo caso, o DNS do Google nem sempre pode ser a melhor opção uma vez que o Google registra acessos, compartilha informações com a NSA e utiliza informações para publicidade online direcionada.

A melhor alternativa continua sendo a disseminação da Tor Network!

Para acessar a Tor Network, basta utilizar baixar o Tor Browser: https://www.torproject.org/projects/torbrowser.html.en

Mas a Tor Network não existe sozinha! É necessário que voluntários mantenham relays internos, relays de saída e bridges de entrada para a Tor Network. Para contribuir na infraestrutura da Tor Network, basta instalar o Vidalia em sua máquina e deixar rodando conforme artigo: http://ideiasjohndoe.wordpress.com/2014/03/18/como-ajudar-a-tor-network-deep-web-privacidade-a-crescer-vidalia/

No mais… Lembro que o Marco Civil na Internet no Brasil é um passo a caminho do Brasil para a mesma censura que ocorre na Turquia.

Diversos sites de Anonymous por aí incentivam a briga contra o governo. Pessoalmente eu acredito que o governo deva saber que somos contra. Mas gastar energia em demasia com isso não é o caminho! O caminho é seguir em direção a alternativas que nos provejam liberdade!

Uma vez que estejamos com acesso a DeepWeb, teremos acesso a liberdade.

Seguem alguns links interessantes que devem ser compartilhados:

- O melhor índice da DeepWeb: HiddenWiki: http://zqktlwi4fecvo6ri.onion/wiki/index.php/Main_Page

- Webmail totalmente anônimo – Substituto ao falecido Tormail: URSSMail: http://f3ljvgyyujmnfhvi.onion/

- Site de Busca DuckDuckGo para a DeepWeb: http://kbhpodhnfxl3clb4.onion/ (concorrente anônimo do Google)

- Twitter da DeepWeb: http://npdaaf3s3f2xrmlo.onion/

- Texto legal de se ler, informações sobre a luta contra o sistema global que nos oprime: http://zqktlwi4fecvo6ri.onion/wiki/The_Matrix

Mas lembrem-se…

Um servidor de Bridge de Saída ainda é um ponto fraco da Tor Network! Se você se conectar ao serviço final, como um site, sem criptografia, no caso, sem HTTPS, estará sujeito a espionagem de conteúdo. Para mais informações: https://tails.boum.org/doc/about/warning/index.pt.html

 

 

O que você perguntaria para o tempo?

“Se você tivesse a oportunidade de perguntar alguma coisa para o Tempo, o que você perguntaria?”

Essa foi a frase mais bem travada que já veio de uma experiência com tolueno. Ela força de alguma forma que você crie ramificações para um conceito formado por ideias que você dificilmente já teria consolidado causando uma espécie de choque de uma inocente ideia toscamente torta.

Porém… Ela se mostra totalmente reflexiva a respeito da sua autocapacidade de aprender coisas avançadas suas para atingir seus mais profundos desejos.

Me surgiu enquanto eu digitava o título desse blog:

Eu perguntaria: “-O que está acontecendo e significa isso aqui e agora?”

Porque a ideia de estado é temporal. Se não tem tempo, não é estadual. É um reflexo da quarta dimensão… Por existir formas de tempo que em nosso mundo temos, no caso, uma só dimensão temporal.

O universo da quarta dimensão possui tantas dimensões temporais que existe uma espécie de imagem estática com mudanças espaciais extremamente de vagar em certo estado de equilíbrio.

Enxergar a quarta dimensão é tão complexo que não pode-se traduzir por palavras… Tão somente por impressões pessoais e subjetivas.

Perguntando i que está acontecendo ao Tempo faz com que ele rasgue os limites das dificuldades do entendimento mais complexo da quarta dimensão na terceira dimensão.

Em todo caso… Quem vai entender o que está escrito aqui?

Anonymous: Osaka, Operation Sybil – Brazilian Support

Olá Anonymous,

Venho aqui declarar apoio a Operação Sybil programada para dia 12 de abril na cidade de Osaka, Japão.
Além de ser uma operação em nome de uma causa que temos em comum: “PRIVACIDADE”, nós do movimento dos Anonymous só temos a aprender e a ganhar acompanhando ações globais.

Segue texto com instruções para a operação:

Operation Sybil
Operação Sybil
オペレーション・シビュラ

Location: Osaka Station City, Chuo Gate, South Gate Plaza
Localização: Estação da Cidade de Osaka, Portal Chuo, Portal Plaza Sul
場所:大阪駅、大阪ステーションシティ中央口、南ゲート広場

Date: April 12th, 2014
Data: 12/04/2014
日付:2014年4月12日

Time: 12pm (all day)
Horário: 24:00 (até o final do dia)
時間:正午(一日中)

Greetings, people of Japan.
Saudações, cidadãos do Japão.
日本の皆さん、こんにちは。

We are Anonymous.
Nós somos Anonymous.
我々はアノニマスです。

In February, Anonymous around the world joined together with other privacy groups on the International Day of Privacy
Em fevereiro, Anonymous do mundo todo ingressaram juntos com outros grupos de proteção a privacidade para o Dia Internacional da Privacidade.
2月に、世界中のアノニマスが国際プライバシーの日に、他のプライバシーグループに加わりました。

Our goal was to remind people of the surveillance systems that are growing more powerful in our society, and how dangerous they can become when they’re used without limits or accountability.
Nosso objetivo é lembrar a pessoas que os sistemas de monitoramento estão cada vez mais poderosos em nossa sociedade, e o quanto perigoso podem se tornar quando usados sem limites ou responsabilidade.
我々の目標は、我々の社会の中で、監視システムがより強力に成長している事と、それらが制限と説明責任無しで使用されたとき、どれほど危険と成り得るかを、人々に気づかせる事です。

In Japan, that power is about to be dramatically expanded.
No Japão, este poder tem se expandido dramaticamente.
日本では、その力を飛躍的に拡大されようとしています。

In 2013, the National Institute of Information and Communications Technology (NICT) expressed a desire to begin a two year test of a complex facial recognition system connected to 90 security cameras in Osaka Station, which was meant to start in April 2014.
Em 2013, o Instituto Nacional de Tecnologia da Informação e Telecomunicações expressou desejo de começar dois anos de testes de um sistema complexo de identificação facial conectado a mais de 90 cameres na estação de Osaka, no qual iniciaria em abril de 2014.
2013年に、情報通信研究機構の国立研究所(NICT)が、90個の防犯カメラを繋いだ複雑な顔認識システムの2年間の試験を発表しました。 顔認識システムの試験は大阪駅で、2014年4月に開始される予定でした。

http://www.nict.go.jp/press/2013/11/25-1.html

But after many complaints from citizens groups and concerns about privacy, in March 2014 the NICT announced that they were going to postpone the test in order to recieve public comments and opinions.
Mas após diversas reclamações de cidadãos preocupados com sua privacidade, em março de 2014, o Instituto Nacional de Tecnologia da Informação e Telecomunicações no Japão, anunciou que vão adiar os testes para antes obter comentários e opiniões públicas a respeito.
しかし、多くの市民団体からの苦情があり、プライバシー侵害への懸念がありましたので、国民に意見を伺うために、NICTは2014年3月に顔認識システムの実験を延期すると発表しました。

http://www.nict.go.jp/press/2014/03/11-2.html

While we applaud the NICT for responding to the voice of the people, mere postponement is not a sufficient reaction to the problems posed by this system.
Enquanto aplaudimos o Instituto Nacional de Tecnologia da Informação e Telecomunicações do Japão por responder a voz das pessoas, simplesmente adiar não é a solução para os problemas deste sistema.
我々はNICTが国民の声に耳を傾けるという考えを称賛しておりますが、単なる延期は問題への適切な対処ではありません。

This test is very worrying for many reasons, and the goodwill of the NICT is not a sufficient response. Nothing less than its cancellation is acceptable.
Esse teste é preocupante por diversas razões, e a boa intenção do Instituto Nacional de Tecnologia da Informação e Telecomunicações no Japão não é suficiente. Nada menos do que o total cancelamento dos testes é aceitável.
このテストは多くの理由の為に非常に心配されています、顔認識システム試験が完全に中止されないと、我々はNICTの善意を受け入れられません。

The security cameras connected to the facial recognition system will record and recognize individual faces, tracking their movement and activity in and around the station.
As cameras de segurança conectadas com o sistema de reconhecimento facil irão gravar e conhecer rostos de indivíduos, rastrear seus movimentos e atividades por toda a estação como um perseguidor.
顔認識システムに繋いだ防犯カメラは駅とその周辺で、個々の顔を記録、認識し、人々の動きや活動を追跡します。

By choosing Osaka station as their testing ground, the NICT has forced large numbers of the unsuspecting public to be test subjects for a computer system that follows them around the station like a stalker, taking notes about every place they visit, and every activity they do, collecting and storing data without their knowledge or consent.
Ao escolher a estação de Osaka como ambiente de testes, o Instituto Nacional de Tecnologia da Informação e Telecomunicações do Japão está forçando que diversas pessoas não suspeitas sejam sujeitas a testes para que um sistema de computador siga-as pela estação como um
彼らの実験場として大阪駅を選択することにより、NICTは、大多数の疑うことの知らない公衆が、ストーカーのように駅の周りを追跡するコンピューターシステムの試験対象となることを強制し、彼らが訪れる全ての場所、全ての行動を記録し、彼らの認識や同意なしにデータの収集と格納をします。

Based on the results of this test, the same system may be expanded to other stations across Japan.
Beaseados nos resultados deste teste, o mesmo sistema pode ser expandido por outras estações no Japão.
この試験の結果に基づいて、同じシステムは、全国の他の駅に拡張するかもしれません。

While the NICT says that the facial data collected by the system will only be tagged with a code number and contains no personal information, this is an empty promise.
Enquanto o Instituto Nacional de Tecnologia da Informação e Telecomunicações do Japão diz que os dados coletados pelo sistema só seram registrados como um número codificado e que não contenha informações pessoais, essa é uma promessa vazia.
NICTが、システムによって収集された顔のデータはコードナンバーでタグ付けされ、個人情報は含まれないと言っているとしても、これは空約束です。

Once that facial data is collected, it can easily be copied and shared with the National Police Agency and other government intelligence groups.
Uma vez que os dados de reconhecimento facial são coletados, podem ser facilmente copiados e compatilhados com a Agência Nacional da Polícia e outros departamentos da inteligência do governo.
一度その顔のデータが収集されると、それは容易に警察庁や政府の他の情報機関にコピー、共有することが出来ます。

The facial recognition system can easily connect to the internet, scanning photographs posted to social media sites like Twitter, Facebook, mixi and other services to find personal information such as names and addresses.
O sistema de reconhecimento facial pode ser facilmente conectado a internet, escaneando fotos postadas em redes sociais como Twitter, Facebook e outros serviços para procurar por informações pessoais como nomes e endereços.
顔認識システムは、簡単にインターネットに接続することができ、名前や住所等の個人情報を探すために、TwitterやFacebook、Mixi等のソーシャルメディアサイトに投稿された写真をスキャンする事が出来ます。

In fact, it was the NICT themselves who recommended the creation of a “Cyber Security Center” under government control, with the same powers and responsibilities as the American NSA and the British GCHQ.
De fato, uma vez que a Instituto Nacional de Tecnologia da Informação e Telecomunicações por si só recomenda a criação do “Centro de Segurança Cibernética” sob controle do governo, estará com os mesmos poderes e responsabilidades do que a NSA amercida ou a GCHQ Inglesa.
実際に、アメリカのNSAやイギリスのGCHQと同じ権限と責任を持った、「サイバーセキュリティセンター」を政府の政府の管理下に作ることを勧めたのは、NICT自身でした。

http://www.nisc.go.jp/active/kihon/pdf/cyber-security2013.pdf

And just as both those organizations abused their power to violate the privacy of millions of people worldwide, the Japanese Cyber Security Center will not hesitate to do the same thing.
E assim como essas organizações abusam de seu poder violando a privacidade de milhões de pessoas pelo mundo, o Centro de Segurança Cibernetico do Japão não irá exitar em fazer a mesma coisa.
また、それら両方の組織が権力を乱用し、世界中の何百万もの人々のプライバシーを侵害したのと同じように、日本のサイバーセキュリティセンターも同じ事をするのに躊躇しないでしょう。

And the newly created Specified National Secrets Law will make it easy to hide this activity from the public, by making it an anti-terrorism or national security issue.
E a recém criada Lei de Especificação de Segredos Nacionais, faz com que seja fácil esconder atividades dos olhos do público, fazendo com que isso se torne um sistema anti-terror ou uma ameaça a segurança nacional.
そして、新しく作られた特定秘密保護法は、テロ対策や国家安全保障の問題とすることで、公衆からこの活動を隠す事を容易にします。

We Anonymous have tried to warn the public before about the dangerous of too much surveillance power mixed with too much secrecy.
Nós Anonymous temos tentado avisar o público sobre os perigos de muito poder de espionagem misturado com segredos de Estado.
我々アノニマスは、あまりにも多くの監視力と秘密の危険性を、公衆に警告しようとしています。

The technology to destroy privacy completely and create a perfect surveillance state now exists.
A tecnologia para destruir completamente a privacidade e criar uma estado de monitoramento e espionagem já existe.
プライバシーを完全に破壊し、完璧な監視状態を作る技術が今、存在しています。

The NICT’s facial recognition system will be the beginning of a new era in Japan.
O sistema de reconhecimento facial da Instituto Nacional de Tecnologia da Informação e Telecomunicações será o início de uma nova era no Japão.
NICTの顔認識システムは、日本の新しい時代の始まりになります。

A world where powerful men in government can hide all their activities behind perfect secrecy while ordinary citizens must be monitored every second of every day, both online at home and outside in public
Um mundo onde um homem poderoso no governo que esconder todas suas atividades por trás de segredos de estado enquanto cidadãos comuns precisam ser monitorados cada segundo de seu dia, tanto online em casa como em locais públicos
普通の市民が、オンライン上と公共の場所両方で毎秒毎日監視されている間に、政府の強力な人々は自身の全ての行動を完全な秘密裏に隠せる世界へ。

Citizens who care about privacy, about freedom, and about democracy must resist this system
Cidadãos que se importam com privacidade, com liberdade e com decocracia precisam resistir a esse sistema
プライバシーや自由、民主主義を気にする市民は、立ち上がり、このシステムに抵抗しなければいけません。

This is why we invite everyone to join us on April 12th for Operation Sybil.
Esse é o porquê de nós convidarmos a todos para se juntarem a nós em 12/04/2014 para a Operação Sybil.
だからこそ、我々は皆さんを4月12日のオペレーション・シビュラに招待します。

Together, we will give a message to the NICT.
Juntos, nós iremos entregar um recado para o Instituto Nacional de Tecnologia da Informação e Telecomunicações.
共に、我々はNICTにメッセージを送ります。

To join Operation Sybil, follow these steps:
Para se envolver com a Operação Sybil, siga os passos abaixo:
オペレーション・シビュラに参加するには、以下のステップを踏んでください:

1 – Get a Guy Fawkes Mask (the Anonymous mask) or any other mask or face covering you like.
1. Tenha uma máscara do Guy Fawkes (a máscara dos Anonymous) ou qualquer outra máscara que cubra seu rosto da forma que quiser.
1. ガイ・フォークスのマスク(アノニマスのマスク)か、顔を覆い隠せる好きなマスクを入手して下さい。

Copy and print out our signs, or make your own sign with a message you would like to give to the NICT.
Copie e imprima nossas marcas (banner, imagens), ou faça sua própria mensagem que gostaria de dar ao Intituto de Tecnologia da Informação e Telecomunicações do Japão.
我々の標識をプリントアウトするか、自分でNICTに見せ付けたい標識を作ってください。

http://imgur.com/a/c8D4f#2

2 – At any time on April 12th, go to Osaka station wearing your mask (or join our group meeting at 12pm at Osaka Station City Chuo Gate, South Gate Plaza).
2. Em qualquer hora do dia 12 de abril, vá para estação de Osaka vestindo sua máscara (ou junte-se ao nosso grupo que se encontrará meia noite na estação Chuo da cidade de Osaka, South Gate Plaza).
2. 4月12日の何時にでも、マスクを付けて大阪駅へ行ってください (もしくは我々の待ち合わせへ12時に大阪ステーションシティ中央口、南ゲート広場へ加わってください)。

3 – When you find a security camera in the station, hold your sign up to the camera so that the security staff can see your message.
3. Quando encontrar uma camera de segurança dentro da estação, segure o seu cartaz de frente para a camera de forma que a equipe de segurança possa ler sua mensagem.
3. 駅で防犯カメラを見つけたら、標識をもってカメラに見せ付けてください、そうすることでセキュリティスタッフが、あなたのメッセージを見ることが出来ます。

4 – Repeat Step 3 at other cameras in the station as many times as you wish.
4. Repita o passo 3 para outras cameras na estação quantas vezes você desejar.
4. ステップ3を、駅に在る他のカメラに出来る限り、繰り返して下さい。

5 – If possible, take pictures or videos of your activity and post them online using the hashtag #OpSybil
5. Se possível, tire fotos e videos de suas atividades e poste elas online utilizando a hashtag #OpSybil
5. もし可能なら、活動を写真か動画を撮ってオンライン上に #OpSybil のハッシュタグを付けて投稿してください。

6 – DO NOT block traffic or interfere with passengers or staff in the station.
6. Não bloqueie o tráfego ou interfira com passageiros ou funcionários da estação.
6. 絶対に駅の通行人やスタッフへ邪魔したり、通行妨害したりしないでください。

7 – DO NOT remove your mask while in or near the station; because we do not know if the camera system is really disabled or not, your face may be recorded and a record of it could be kept indefinitely.
7. Não remova sua máscara enquanto estiver dentro ou próxima da estação; por que não sabemos se o sistema de cameras está realmente desabilitado ou não, sua face pode ser gravada e pode ser mantida indefinidamente.
7. 絶対に駅の傍に居る間はマスクを取らないでください; カメラシステムは本当に繋いでるかどうか分からないので、あなたの顔は記録されることができ、いつまでも、その記録を保持される事が出来るかもしれません。

Operation Sybil will be active all day on April 12th.
Operação Sybil estará ativa durante todo o dia 12 de Abril.
オペレーション・シビュラは4月12日中活動します。

You can perform this operation alone or with your own group freely.
Você pode executar a operação sozinhou ou com seu próprio grupo livremente.
あなたは、単独で、または自由に自分のグループで、このオペレーションを実行することができます。

However, there will be a group meeting at 12:00pm at Osaka Station City, Chuo Gate, South Gate Plaza for those who wish to join us.
De qualquer jeito, estaremos nos encontrando a meia noite na Estação da cidade de Oska, Portal Chuo e Portal Plaza Sul para aqueles que quiserem se juntar a nós.
また、我々のグループに参加を希望する人は、12時に大阪ステーションシティ中央口、南ゲート広場で待ち合わせがあります。

We will divide into small teams based on the number of attendees and perform our activity at as many cameras as possible simultaneously.
Nós vamos nos dividir em grupos menores baseado da quantidade de pessoas para executar nossas atividades para abordar simultaneamente o maior número de cameras possível.
我々は、参加者の数に基づいた少人数のチームに分かれ、出来るだけ多くのカメラの前で同時に活動します。

Please remember, Operation Sybil is a peaceful and legal protest operation.
Por favor lembrem-se, a Operação Sybil é pacífica e é uma operação de protesto legal.
オペレーション・シビュラは平和的で合法的な抗議である事を覚えていて下さい。

We will not break the law, or be a nuisance to any members of the public or station staff.
Nós não iremos quebrar nenhuma lei, ou criar confusão com qualquer pessoa na estação ou funcionário.
我々は法律を破ったり、一般人や駅のスタッフに対して迷惑をかける事はありません。

Be professional.
Seja profissional.
紳士になってください。

Be responsible.
Seja responsável.
責任を負ってください。

And of course, be anonymous.
E é claro, seja anônimo.
そしてもちろん、匿名(アノニマス)でいてください。

We are Anonymous.
Nós somos os Anonymous.
我々はアノニマス。

We are Legion.
Somos uma Legião.
我々は大軍です。

We do not forgive.
Nós não perdoamos.
許しはしない。

We do not forget.
Nós não esquecemos.
忘れはしない。

Expect us.
Esperem por nós.
待ち受けなさい。